Os preços mais baixos garantidos para o aluguer de automóveis em mais de 6.000 locais em todo o mundo

 

Os preços mais baixos garantidos para o aluguer de automóveis em mais de 6.000 locais em todo o mundo

 

Reserve seu hotel online

 

 

Você está aqui

HOLANDA: a linda e bucólica cidade Zaanse Schans.

  • Total de visitas: 1304761
  • Unique Visitors: 201025
  • Registered Users: 3266
  • Last Registered User: kerriewest51854230
  • Published Nodes: 115
  • Your IP: 54.158.198.141
  • Since: 02/27/2014 - 13:02

Olá viajantes...no nosso terceiro dia na Holanda, seguimos para uma cidadezinha encantadora ZAANSE SCHANS.

Acordamos cedo certos que iríamos pegar o passeio com guia para algumas cidades do campo (junto a lojas de turismo que ficam espalhadas pela cidade), mas como ele saía às 9h, chegamos atrasados. Para não ficar na vontade, fomos até a estação central e compramos um ticket de trem para Zaandijk (ida e volta por 7,20 euros). Que sorte termos perdido a hora (rsrs) já que o passeio pela agência nos custaria de 45 a 55 euros por pessoa.

Conhecemos uns brasileiros por lá (para variar) e eles nos relataram que a cidade está a apenas 17Km de Amsterdã e tem ótima ciclovia. Ou seja, uma delícia seguir pedalando até la e se na volta der uma canseira, basta comprar o bilhete de trem e voltar relaxando já que eles admitem bicicletas no vagão.

Descemos, por engano, poucos minutos depois no nosso embarque, na estação Zaandam e conhecemos o centrinho dessa cidade agradável. Logo na entrada tem o Inntel hotel, com sua linda arquitetura (parecem casinhas holandesas umas em cima das outras) e logo em seguida, um ótimo calçadão repleto de lojas, começando pela barateira Primark. Resistimos às compras e voltamos para a estação para pegar o trem para Koog-Zaandijk – mas na volta paramos por aqui para um pit stop para compras.

Na estação Koog-Zandijk, descemos e caminhamos poucos minutos até chegar à linda Zaanse Schans.

Logo da ponte dá para ver os diversos moinhos verdes, as casinhas preservadas... Parece que o tempo parou. Aqui você não vai precisar de mapa, apenas siga o fluxo de turistas (que não são poucos) e vá curtir o local.

Alugamos uma bike por 5 euros a hora e pedalamos em torno do canal chegando a parte central da cidade.

Adoramos ver as casinhas todas decoradas, o movimento dessa cidade rural, uma delícia.  Fiquei encantada com as janelas das casas pois os moradores colocam muitos enfeites nelas tipo jarros, flores, penduram coisas (até parece minha área de serviço que imagino ser um jardim e coloco várias coisas kkk). Cada janelinha mais linda que a outra, parece até que todo mundo aqui é feliz e gosta de mostrar isso!!

 

O sol ajudou muito para deixar nosso dia ainda mais perfeito, apesar de estar muito frio ainda. Depois de contornar o lago, passando pelos campos vendo vacas holandesas e ovelhas, voltamos para o centrinho histórico e nos deliciamos com os Stroopwafel (biscoitos com aroma de canela recheados de caramelo, bem crocante) feitos na hora! Pode provar qualquer um deles, baste sentir o suave cheiro de canela, comprar um café e saborear essa delícia. Comemos quentinho, saindo do forno, mas por aqui eles colocam em cima do café para o caramelo que há dentro derreta... Sentiu o drama? Custam em torno de 1 a 2 euros, e dá para comprar vários pacotes.

Este trajeto fizemos em 1 hora de pedalada e voltamos para o centrinho histórico onde alugamos a bike.Depois de conhecer uma fábrica de queijos no local e provas várias vezes todos eles (rsrsrs), seguimos para o museu dos tamancos holandeses (não entramos) e visitamos mais lojinhas com todas aquelas coisas lindas típicas da região, as louças com desenhos azuis e tamancos imensos que dariam ótimas floreiras... embarcamos no trem de volta à Amsterdã, mas com direito a uma nova paradinha em Zaadam, agora para curtir as compras.

 

Almoçamos por lá, apreciamos a orquestra da cidade tocando no coreto e devoramos as lojas (kkkk). Tem ótimas relojoarias, lojas de roupas e etc. A Primark é ótima e não tem a muvuca dos grandes centros. Já passava das 15h quando voltamos à Amsterdã e como era praticamente nosso último dia por aqui (infelizmente), partimos para conhecer o lado dos museus da cidade. Utilizando o ticket diário do tram (bondinhos) que vale 24h, seguimos até a parada Museumplein. Descemos para tirar a foto básica nas famosas letras gigantes “I AMSTERDA”. Num sábado de sol, claro que foi impossível querer o nome só para mim! Kkk

 

Tem um lindo lago em frente com várias tulipas e rende ótimas fotos. O parque é pequeno mas muito agradável. Por ali, o Museu de Van Goch,, dentre outros...escolha e aprecie suas belezas (melhor comprar os tickets antes). E depois se tiver fôlego, termine o dia no Voldelpark, bem perto dali.  Curtir as pessoas "tomando sol" de casaco, fazendo churrasco, brincadeiras típicas de praia é bem interessante.

Hora de jantar no meio do caminho - que para nós foi numa casa Argentina para matar a saudade de carne, e depois cama.

Ser turista exige um certo preparo...ainda mais para mim que quero conhecer e curtir tudo!!!

Amando a Holanda...valeu a pena esperar para conhecer esse espetáculo de País.

 

Categorias: 
Meus destinos

Comentar

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para testar se você é um humano ou não para prevenir envios automáticos.
Image CAPTCHA
Enter the characters shown in the image.