Os preços mais baixos garantidos para o aluguer de automóveis em mais de 6.000 locais em todo o mundo

 

Os preços mais baixos garantidos para o aluguer de automóveis em mais de 6.000 locais em todo o mundo

 

Reserve seu hotel online

 

 

Você está aqui

Maio 2018

  • Total de visitas: 1654648
  • Unique Visitors: 226592
  • Registered Users: 3497
  • Last Registered User: cynthiapickrell8323
  • Published Nodes: 117
  • Your IP: 54.198.119.26
  • Since: 02/27/2014 - 13:02

Fort Lauderdale/Flórida: roteiro de três noites.

Calçadão de Fort Lauderdale
Passeio no Yellow Cab (water taxi)

Meu roteiro: 3 noites em Fort. E queria mais!

Olá viajantes...vou passar para vocês meu roteiro nesse lugarlzinho lindo na Flórida, entre Miami e Orlando, que recomendo ficar ao menos três noites.

Tenho certeza que ficarão com vontade de arrumar as malas, colocar um biquini e curtir essa cidade, com aproximadamente 40Km de praia e quase 500Km de canais fluviais!!!

Assim que chegamos em Miami, pegamos o carro e seguimos para Fort. Deixamos as coisas no hotel e fomos curtir a noite no famoso Boulevard Las Olas, afinal, era o aniversário do maridão e precisávamos comemorar. Esse Boulevard é uma espécie de calçadão, com bares, restaurantes e lojas, com um canteiro central cheio de palmeiras decoradas com luzes brancas, tipo de natal, dando um ar de cidade pequena, misturada com aquele clima delicioso de praia.

Todo mundo muito informal e descontraído. Adoro isso!

Esse Boulevard tem logo na “entrada” um Cheesecake Factory” e tantos outros para você se deliciar. Indico o italiano Noodles Panini (821 E Las Olas Blvd), com seu delicioso pão italiano, garçons gentis e comida boa (a bruscheta é enooorme), apesar de não ser muito barato. Mas não somos experts em restaurantes tá?

Tive recomendações do restaurante Floridian (1410 E Las Olas Blvd), mas não provei. Esse tem indicação de preço bom, bem servida, um típico restaurante americano. Aliás, ele também é bem avaliado no Trip Advisor. Também tem o italiano Louie Bossi’s (1032 E Las Olas Blvd) com sua deliciosa pizza fininha (vive lotadoooo).

O pedaço mais interessante é o Riverwalk, um calçadão de 2Km de extensão, com barques e praias ao seu alcance.

No outro dia, mesmo com um friozinho, resolvemos conhecer a cidade através dos seus canais, percorrendo a Intercoastal Waterway, no famoso passeio de barco, através de Water Taxi (barcos amarelos). 

Por U$28 dólares, você pode desfrutar desse passeio avistando as mansões, os luxuosos iates ao seu redor e ainda fazer as paradas que preferir, naquele esquema Hop on Hop off (desce, conhece o local, depois volta para o ponto de embarque e segue para o próximo destino).

São váááaáárias paradas (22 ao total), mas acho desnecessário e cansativo descer em todas. Recomendo ler antes e escolher as do seu interesse. Indico embarcar atrás da Cheescake Factory (do Las Olas Blvd) para fazer o passeio completo. Se tiver um dia quente, coloque a roupa de praia e vá curtir o marzão lindoooo, de águas calmas e claras. A popular Fort Lauderdale Beach (com uma super estrutura de mesinhas para piquenique, parquinhos para criança, bares, etc), na região de Las Olas, a badalada Hollywood Boulevard (almoce por aqui, pois há varias opções de restaurantes no calçadão), além do bonito parque Hugh Taylor (pedalar por aqui)e a Hilton Marina.

Se preferir, fique no barco durante todo o trajeto, escutando as explicações do guia, com informações que pouco te acrescentarão (rsrs), mas faz parte do pacote turistão. Os barcos passam nos pontos em no máximo meio hora, só não perca seu ingresso, pois precisará apresentar em cada retorno.

 Caso o orçamento esteja mais folgado, recomendo seguir até a Fort Lauderdale Beach e alugar sua própria lancha, do tamanho que couber no seu sonho e no seu bolso, ou Jet Ski e curtir por conta própria. Acho que é o ideal.

Esse passeio deve ocupar seu dia inteirooooo. Depois disso, caso ainda tenha forças, aproveite os supermakets (Wallmart, Target), afinal, você esta no paraíso do consumo, e com impostos mais baixos (6%), precisa aproveitar. E aqui também está outra vantagem: as lojas são mais organizadas, com muita variedade e promoções.

Depois, siga para uma daquelas incríveis farmácias (Walgreens, CVS) e continue comprando (KKK).

Seguindo a ordem do consumismo, hora de passar numa ROSS, TJ Max, Marshalls para garimpar pechinchas. E se ainda quiser tranqueiras baratas, conheça a Dólar Tree (tudo por um dólar) e a Family Dollar(tudo até 10 dolares)- parece um mini Wallmart, onde vendem artigos para festas, lanches, coisinhas de casa, material de escritório e outras bobagens que brasileiro amaaaaa. O mais legal dessas lojas são os itens sazonais (natal, páscoa, Halloween,etc), onde é possível encontrar itens de decoração de festa, de casa, com precinhos irrisórios. Lugar ótimo para comprar lembrancinhas para a família toda.

Se não quer ir até o outlet, aproveite o Galleria Mall (2414 E Sunrise Boulevard) para fazer umas comprinhas, no coração da cidade.

Ufa... O dia acabou e já deixamos o próximo para o outlet SAWGRASS (meia hora de distância) já que com a imensidão de lojas exige um dia inteirinho só para ele. Aproveite o local de compras para almoçar do gostosinho Rainforest Café, ou no Italiano Villagio. Um descanso será necessário. Só fiquem ligados em não deixar nada dentro do carro pois a fama de arrombamentos por aqui é grande. Leve uma mala de mão, ou compre na TJ Max que fica ao lado, e segure suas compras.

No último dia nessa cidade linda, não deixem de ir na linda praia de Fort Lauderdale By The Sea (cidade colada em Fort, bem pequena). Uma praia gostosa demais, que tem prédios baixinhos, os típicos motéis americanos e muitas muitas muitas cores.

O caminho que leva a entrada do Fishing Pier é todinho cercado com as famosas cadeiras coloridas da Flórida (apaixonei), e tem um charmoso estilo retro... Parece um cenário. Curtir esse miolinho é uma delícia.

Siga até o Beach Café (se não for comer por ali, paga em torno de U$2 para entrar),  e curta a linda vista do Pier. A colorida e divertida sorveteria Sloan’s Ice Cream (112 Commercial Blvd)é parada obrigatória.

Ah! Use o Trolley gratuito-Pellican Hopper (ônibus retro igual ao de Miami Beach) e circule por aqui (veja as paradas e horários o www.lauderdalebythesea-fl.gov). Voc pode ir e voltar a Fort Lauderdale por ele, e o trajeto completo dura uns 50 minutos. Dá até para descer e curtir mais compras no market Publix e depois seguir o passeio.

Outra opção legal para curtir a noite é a Himmarshee Street, para lembrar que estamos no pedaço da América com mais sangue latino por Km quadrado! Vários bares a beira mar, com mesas na calçada e músicas animadas, lembram ainda mais Miami Beach.

Além disso, há várias opções para aproveitar a cidade, como museus (Museum of Discovery and Science é super elogiado) e outros parques, almoçar no Fisheries  (15th Street Fisheries), apostar no Cassino do Hard Rock Café, curtir jogos no Hard Rock Stadium, ou até mesmo desfrutar do cruzeiro de 1 dia para as Bahamas... mas minha passagem foi breve e ficamos só com o gostinho de quero mais.

Voltarei, com certeza, e SUPER RECOMENDO.

 

 

Fort Lauderdale/Flórida: um cantinho ao sol

Intracoastal Waterway e suas belas mansões e iates
o nascer do sol em Fort
a linda vista pelos canais

Olá viajantes...há muuuuuuitos anos passei por essa cidade e fiquei com gostinho de quero mais. Tão pertinho de Miami – 40 minutos de estrada top (Rodovia I-95 N), mas nunca consegui voltar.

Dessa vez, como a passagem que comprei era tipo “pacote fechado” (Cancún+Miami), já deixei certo desde o primeiro momento que passaria uns dias por aqui. E não me arrependi. Aliás, já quero voltar no verão!

Uma cidade beeeem parecida com Miami, só que muito mais organizada, sem trânsito, sem grandes barulhos, com menos turistas, sem muros, sem grades, ou seja, muito bom.

 

De cara, já AMEI a “Veneza da América”, como é popularmente conhecida, que tem essa fama em razão dos inúmeros canais que cortam a cidade, justificando a enorme quantidade de barcos ancorados por aqui. Aliás, dá a sensação que a maioria dos moradores  tem um carro na garagem e um barco atracado na porta (kkkk). Não é a toa que essa cidade tem uma das maiores frotas de barco do mundo!!!

Uma amiga querida, que tem família por aqui, me deu ótimas dicas a começar pelo local de hospedagem: sem dúvidas nenhuma, ficar na região de Las Olas é garantia de estar bem localizado, inclusive sem se preocupar muito com o transporte.

 

Local de vários hotéis chiquérrimos, dos melhores restaurantes e bares, além de uma vista incrível para os canais e praias. Recomendo o Hotel Riverside que fica numa ótima localização.

Mas como o ideal nem sempre cabe no bolso, sai correndo daqui (infelizmente) e ficamos num drive in (no estilo americano mesmo) bem simples, mas que me serviu perfeitamente, o modesto Ocean Beach Palace (4041 North Ocean Boulevard), a 5 minutos a pé da praia, que também não pude curtir por causa da frente fria que pegamos (11 graus no sol). A diária custa menos de U$90, sem café da manhã, e cobram U$9 por dia de estacionamento. Para nós, que sempre viajamos na classe supereconômica, foi ótimo. Quarto grande, limpo, com frigobar, wi-fi boa, só o banheiro que era meio decadente, mas considerando o preço, foi ótimo. Só recomendo não ficarem perto da piscina, pois rola sempre uma farra nas madrugadas, e como fomos em pleno Spring Break, dormimos com barulho.

A vantagem dessa região que ficamos é a proximidade com a linda praia Lauderdale By The Sea, aquela com um calçadão cheio de bares e cadeiras coloridas, bem estilo Flórida.  Como estávamos de carro, e tem estacionamento público em todo canto, não sofremos.

Recomendo no mínimo três noites por aqui, independente da época do ano. Há muitos lugares lindos para passear, praias incríveis, bares animados e sem contar que o outlet Sawgrass Mill Mall (12801 w Sunrise), o segundo maior dos EUA, está situado a meia hora da cidade.

Sou suspeita porque amooooo os EUA, e cidade de praia então... mas recomendo parar e curtir essa cidade, principalmente porque estamos com ótimas opções de vôos saindo do Nordeste até aqui, inclusive com preços mais baixos que a vizinha Miami.

E soube que o trem rápido (Brightline) começou a circular por Miami (estação MiamiCentral) esse mês e já passa por aqui (11trens diários, das 6 às 19h), também por West Palm Beach e, futuramente, seguirá até a terra do Mickey (Orlando). Ou seja, não dá para perder!!!

Ah! Como Miami Beach, aqui também também é possível circular com o Sun Trolley (ônibus gratuito) por toda a cidade de forma segura, com sete diferentes rotas, sendo cobrado apenas na rota Las Olas Beach (U$1 por viagem ou U$3 por dia), inclusive com uma rota aquática.

Então arrumem as malas e venham curtir a praia americana. Só lembrem que é proibido consumir bebidas alcoólicas nelas.

Olhem meu roteiro...vão amar também!